Aumento Glúteos

O aumento dos glúteos é um desejo de muitas pessoas. Os procedimentos mais comuns para quem procura por glúteos maiores, melhor delineados ou com um aspecto mais empinado são a lipoescultura, a gluteoplastia e a bioplastia. A primeira consiste na utilização da gordura abdominal para aumento do volume dos glúteos, a segunda se baseia no implante de próteses de silicone, e a terceira é feita por meio do implante de substâncias preenchedoras na região, como o ácido hialuirônico.

Lipoescultura nos glúteos

A lipoescultura é a cirurgia mais utilizada para aumento dos glúteos, por dispensar o uso de materiais estranhos ao organismo. No procedimento, primeiramente é feita a lipoaspiração, que consiste na retirada de gordura de outras partes do corpo, como do abdômen. Depois, essa gordura é processada e reinserida nas áreas do corpo que necessitam de maior volume, como nos glúteos. Através desse procedimento, pode-se notar um resultado mais duradouro e visível. Outra vantagem desse procedimento é que, quando se retira a gordura dos culotes e da cintura, o bumbum já fica com um aspecto mais arredondado.

O tipo de anestesia utilizada no procedimento depende de cada caso. Pode ser necessária a anestesia local com sedação ou a anestesia geral, dependendo da quantidade de gordura a ser retirada e das particularidades de cada paciente. O procedimento pode durar de uma a cinco horas, dependendo de cada caso.

Gluteoplastia de aumento

A gluteoplastia de aumento consiste no aumento dos glúteos através do implante de próteses de silicone na área. O formato e tamanho das próteses são predefinidas pelo paciente e seu médico, podendo variar entre redondo e oval e de 200 a 500 mililitros. Hoje, as próteses têm formatos que proporcionam um resultado mais natural. A prótese redonda é indicada para quem deseja maior projeção no centro do bumbum, já a oval aumenta também as dimensões laterais.

O procedimento tem início com a aplicação de anestesia peridural ou geral. Na sequência, é feita uma incisão de 5 centímetros no sulco vertical, entre as nádegas. As próteses, assim, são inseridas dentro dos músculos, para serem melhor fixadas e preservar os nervos e vasos. A cirurgia dura cerca de 2 horas e é indicada a internação do paciente por um ou dois dias.

Bioplastia de glúteos

Outro procedimento utilizado para aumento dos glúteos é a bioplastia. O procedimento é feito através do implante de substâncias que ajudam a moldar o contorno dos glúteos. Entre as substâncias preenchedoras aprovadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), estão o ácido hialurônico, a policaprolactona, o ácido polilático, a hidroxiapatita de cálcio e a polimetilmetacrilato (PMMA). A bioplastia deve ser feita em ambulatório devidamente higienizado e que possua alvará da Vigilância Sanitária. A cirurgia é feita com anestesia local, para que o paciente acompanhe todo o procedimento ativamente, não sendo utilizados cortes e não existe a necessidade de internação. A vantagem dessa técnica está na recuperação extremamente rápida e na previsibilidade estética dos resultados.

Quanto custa a cirurgia de aumento de glúteos?

Não existe um valor fixo para esse procedimento, já que diferentes técnicas podem ser usadas. Portanto, é necessário que o paciente passe por uma avaliação com um médico especializado, para que ele determine a melhor técnica e defina os melhores protocolos para cada pessoa.

Vamos realizar o seu sonho?

Clique no botão abaixo e deixe a gente cuidar da sua autoestima.

Open chat