Fale com Dr. Maurício Carvalho no whatsapp
Subir ao topo da página

Apesar de uma cirurgia bariátrica melhorar a saúde e autoestima do paciente, muitas vezes um procedimento pós-bariátrico é passo fundamental no processo de finalização.

Pacientes que se submeteram à gastroplastia, sofrendo considerável perda de peso têm certa dificuldade em lidar com o excesso de pele e tecido após uma perda ponderal acentuada. Apesar de uma cirurgia bariátrica melhorar a saúde e autoestima do paciente, muitas vezes um procedimento pós-bariátrico é passo fundamental no processo de finalização.

Abdominoplastia ou dermolipectomia, mamoplastia, dermolipectoma braquial, dermolipectomia da coxa, lipoaspiração, lifting facial, são alguns dos tipos de cirurgias plásticas reparadoras procuradas por pacientes que fizeram a cirurgia bariátrica. A cirurgia reparadora mais recorrente aos pacientes que se submeteram à cirurgia bariátrica é a retirada de um avental de pele sobre o abdômen, provocado pela flacidez que tomou conta do tecido cutâneo.
Esses procedimentos têm o intuito de garantir segurança e resultados positivos durante a recuperação do paciente, pois devido a problemas posturais e de equilíbrio que o excesso de pele traz, além de problemas de interação social, relacionamentos e o incômodo causado pelas dermatites nas dobras de pele, muitos pacientes após a gastroplastia necessitam de um trabalho em conjunto de alguns profissionais da equipe multidisciplinar (como psicólogo e endocrinologista) ajudando o paciente a entender a sua nova fisicalidade.

As associações de procedimentos são possíveis, mas dependem de avaliação individual, de acordo com a conveniência e disponibilidade de tempo de recuperação, ponderando as vantagens e desvantagens de tal associação.